12 de abril de 2017

{Resenha #169} Cartas Para Um Pai - Janaina Rico | @gabrielaofredi

Título: Cartas Para Um Pai

Autora: Janaina Rico
Editora: Qualis
Ano: 2016
Número de páginas: 210

Sinopse:
Juliana, uma jovem de 23 anos, recém contratada por uma empresa, cursando o último período da faculdade, finalmente, consegue realizar seu sonho de tirar férias em um lugar com lindas praias, João Pessoa, na Paraíba. Ela só não contava que lá iria conhecer Anderson, um lindo nordestino que a cativou com o jeito fácil e a conquistou com seu sotaque.
E durante seus 30 dias de férias, a mocinha, aproveita seu curto romance enquanto e o máximo que pode. Sendo que ela só percebe que o romance ficará muito mais tempo na memória dela do que imaginava quando descobre que está grávida e desse em momento em diante precisa tomar decisões que poderão mudar sua vida para sempre.

Antes de tudo preciso dizer que o livro me surpreendeu bastante, por ser um relato tão minimamente detalhado sobre uma gravidez. Quando as pessoas param para pensar em uma gestação, geralmente, os pensamentos e comentários recorrentes são basicamente sobre a dor do parto e o gasto que o bebê trará. É um "erro" quase que da sociedade em seu total, esquecer de pensar nos pequenos detalhes que fazem parte da gravidez, como a rinite, que é um sintoma presente, porém não atribuído pelo povo ao momento vivido pela mulher, entre vários outros.
Também achei legal a autora explorar a insegurança da Juliana, quanto a maternidade e desfazendo assim a ideia de que toda mulher já nasce pronta para ser uma mãe perfeita. Sendo que todos se esquecem que, nenhum ser humano nesse planeta é perfeito, então porque uma mãe, principalmente, uma mãe de primeira viagem e passando por uma gravidez não-planejada, como a protagonista do livro seria? Janaina Rico, trouxe a tona os verdadeiros sentimentos que uma mulher sente ao gerar uma vida dentro de si. Ela mostrou que a mulher sente medo, despreparo, dúvidas e um trilhão de outros sentimentos, que ficam em guerra o tempo todo dentro da cabeça de uma gestante.
O livro, escrito em forma de cartas foi a melhor opção para a autora dar o nível certo de intimidade e sinceridade à história, pois, as cartas, em sua grande maioria, dão essa liberdade. Uma vez que uma pessoa que precisa falar sobre os acontecimentos de sua vida para o outro, costuma se sentir mais a vontade nessa situação.
Não tenho muito o que falar quanto a formatação e tipo de papel do livro, já que fiz a leitura pelo kindle, em apenas, PASMEM, um dia! Sim, li tudo em um dia, porque minha curiosidade estava num nível elevadíssimo. Mas prestei atenção, quanto aos erros e acho que só achei um, que nem era tão grave assim, apenas um erro de digitação, que pode acontecer com qualquer um. E como falei li tudo em dia, pois a escrita é bem fluida e faz o leitor ficar meio viciado, não querendo parar, enquanto o livro não terminar.

E isso foi tudo o que achei da história, meu amores. Se ficaram curiosos (ou mais curiosos) a partir dessa resenha e ainda não tem o livro, basta clicar no botão comprar ali em cima. Lembrando que o livro só está disponível para venda, em formato digital pela Amazon. Logo, você precisar ter um aparelho Kindle ou  app Kindle (disponível para Android e IOS) no seu celular, tablet ou computador.

Espero que tenham gostado da resenha e se você já leu Cartas Para Um Pai, deixe seu comentário aqui embaixo contando sua opinião.
Até a próxima.
Bjinhux.
Gabriela Ofredi

Nenhum comentário:

Postar um comentário